50 melhores músicas do metal nacional de todos os tempos

As 50 melhores músicas do metal nacional de todos os tempos

Sempre falo que fazer lista dos melhores é uma pretensão de quem faz a seleção e uma certeza de injustiça. Coisas boas serão esquecidas e outras vão gerar controvérsia. Por isso, não leve tão a sério o que proponho aqui: enumerar, sem ordem de preferência, as 50 melhores músicas do heavy metal nacional de todos os tempos.

Resolvi dividir a responsabilidade com um monte de gente boa. Nas últimas semanas convidei críticos, jornalistas e produtores especialistas em metal para participar desse desafio. Para cada um deles pedi um top 10. Coloquei tudo em uma planilha e, somando os votos, cheguei ao resultado. Decidi fechar o número em 50, mas poderia ser 100, 150. Ou seja, algumas coisas ficaram de fora por limitação de espaço.

Queria agradecer demais o pessoal da Roadie Crew, Whiplash, Wikimetal, Overload, Metal na Lata, É Noize e Scream & Yell pelo tempo que dedicaram para montar e compartilhar suas listas pessoais. E por dedicarem suas páginas à cobertura do metal nacional, publicando diariamente conteúdo de primeira.

Apesar de não ser definitivo, o resultado serve como uma boa referência da história do metal no Brasil. Temos desde bandas que abriram caminho para o gênero no país, como Salário Mínimo, Centúrias e Harppia, até nomes que levaram o heavy metal a outro patamar, a exemplo de Sepultura, Angra e Krisiun.

+ Meus 7 álbuns de metal favoritos de 2019

Chama a atenção na seleção (e fica como uma homenagem póstuma) a recorrente presença do lendário vocalista André Matos — cuja morte completou um ano em 8 de junho — à frente do Angra, Viper e Shaman. Aliás, se levarmos em conta apenas as menções às bandas, encabeçam a lista Sepultura, Korzus, Angra e Krisiun.

Se fizermos um recorte de tempo, podemos notar a prevalência de músicas que foram lançadas na década de 1980, quando os headbangers brasileiros começaram a fazer mais barulho. Algumas letras que se tornaram hinos do metal também foram lembradas, como Guerreiros do Metal e Cabeça Metal.

E seria muito legal saber a sua opinião sobre a lista abaixo. Deixei seu comentário e diga que música você sentiu falta.

  • Carry on, Angra
  • Living for the Night, Viper
  • Salém, a Cidade das Bruxas, Harppia
  • Inner Self, Sepultura
  • Guerrilha, Dorsal Atlântica
  • Refuse/Resist, Sepultura
  • Guerreiros do Metal, Korzus
  • Isolated, Dr. Sin
  • Noite de Balada, Golpe de Estado
  • Tan Pinga Ra Tan, Tuatha de Danann
O clássico álbum Beneath the Remains (1989), do Sepultura
  • Cabeça Metal, Salário Mínimo
  • Nothing to Say, Angra
  • Roots Bloody Roots, Sepultura
  • Emotional Catastrophe, Dr. Sin
  • Dead Embryonic Cells, Sepultura
  • Beyond My Bad Dreams, Overdose
  • Satã Clama Metal, Azul Limão
  • Não Pense não Fale, Centúrias
  • Caçador da Noite, Dorsal Atlântica
  • For Tomorrow, Shaman
Última Noite, álbum do Centúrias lançado pela Baratos Afins nos anos 1980
  • Ranger, Inox
  • Spirits of Evil, Vulcano
  • Black Force Domain, Krisiun
  • Agony, Korzus
  • Knights of Destruction, Viper
  • Make Believe, Angra
  • Quantas Vão, Golpe de Estado
  • Drunk Again, Exhort
  • Thrasher, Claustrofobia
  • Nem Polícia, Nem Bandido, Golpe de Estado
Disco de 1991 do Korzus: Mass Ilusions
  • Beijo Fatal, Salário Mínimo
  • Murderer, Krisiun
  • Raise Your Soul, Korzus
  • Touch Your Dream, Orquídea Negra
  • Portas Negras, Centúrias
  • Blind Spell, Shaman
  • Metalmania, Robertinho de Recife
  • Columbia, Patrulha do Espaço
  • Take Time, Dorsal Atlântica
  • Sofrer, Ratos de Porão
Works of Carnage, do Krisiun: entrando nos anos 2000
  • Metal Maloka, Claustrofobia
  • Destined to Die, Violator
  • O Eremita, Virus
  • Beneath the Remains, Sepultura
  • Catimba, Korzus
  • The Clan, Genocídio
  • Zombie Factory, Overdose
  • Screeches from the Silence, Sarcófago
  • Matthew Hopkins, Virus
  • Soldiers of Sunrise, Viper

* Quer ouvir as músicas? Criei uma playlist especial no Spotify que você pode conferir abaixo (infelizmente nem tudo encontrei por lá).

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s