Agenda: tem noite de metal no Red Bull Music Academy!

0008027691_10
O trio Rakta, uma das atrações da noite Ruído em Progresso

Botaram uma noite de metal na programação do festival Red Bull Music Academy, que rola em São Paulo de 2 a 11 de junho e tem como homenageado principal o grupo de rap Racionais MC’s. Como o espaço está cada vez mais minguado para os metaleiros, uma iniciativa desse tipo é de aplaudir. Vou lá conferir! A pegada experimental, de vanguarda, que é a tônica do evento, também se mantém na seleção das atrações que tocarão no Centro Cultural São Paulo, nesta quinta (8 de junho).

Chamada de Ruído em Progresso, a noitada dá preferência a grupos que inovam a música pesada com uma atmosfera lisérgica, efeitos que parecem trilhas sonoras de filme de terror e vocais sussurrados ou gritados. Na falta de um rótulo melhor, mais esclarecedor, esse tipo de som é definido como pós-punk ou pós-metal. Assim como a pós-modernidade, não quer dizer muita coisa. O que importa aqui é criar um clima, uma atmosfera que embala o público em uma viagem cujo destino é mais próximo do inferno do que do paraíso.

+ FingerFingerrr: a nova cara do rock nacional

Uma das bandas é o Rakta, trio paulistano formado por Paula Rebellato, Carla Boregas e Nathalia Viccari. Baixo, voz, teclado e bateria — elas dispensaram a guitarra — se misturam num som cheio de ecos e sintetizadores. O Rakta lançou seu segundo álbum, III, no fim de 2016. De acordo com a programação, as garotas vão participar de uma performance inédita ao lado da lendária banda de punk dos anos 1980 As Mercenárias, que tem Sandra Coutinho como a única integrante da formação original.

Quem também promete quebrar tudo é o grupo de black metal baiano Mystifier, que deve apresentar músicas dos discos Wicca (1992), Goetia (1993) e Profanus (2001). Pioneiros do gênero no Brasil, ao lado dos mineiros do Sarcófago, uma das influências declaradas, os caras do Mystifier continuam na ativa berrando letras proibidas para a família cristã em show com braceletes de couro, pulseiras de espinho e corpse paint (a pintura de cadáver típica das bandas de black metal).

Ruído em Progresso nesta quinta no CCSP. Vamos colar lá?

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s