O rock raiz do Greta Van Fleet

Greta Van Fleet - 2017
Greta Van Fleet: rock raiz aos 20 e poucos anos

Quando vi o primeiro vídeo do Greta Van Fleet no YouTube, fiquei espantado (no bom sentido da palavra). Aquele vocalista com cara de moleque, de 20 e poucos anos, de chinelinho e roupa despojada, parecida com aquela calça surrada que usamos para ir dormir, de repente aparece e solta um “oooooohhhhhh” à la Robert Plant tão potente que chega a arrepiar a espinha. Aí ele solta um sorriso de canto de boca, como quem tem noção do que está causando, enquanto um riff de guitarra dá o tom da canção Highway Tune. Puta que o pariu, os moleques são bons mesmo!

+ Neve Negra é o novo livro de Santiago Nazarian

Não ouviu falar deles ainda? Pois garanto que você ouvirá bastante. Em 2012, três irmãos — Josh Kiszka (vocal), Jake Kiszka (guitarra) e Sam Kiszka (baixo) — se juntaram na pequena cidade de Frankenmuth, no Michigan, de pouco mais de 5 mil habitantes, para formar o Greta Van Fleet, a banda de rock mais incensada do momento. Com o baterista Danny Wagner, o trio lançou neste mês o primeiro trabalho, From the Fires, depois de chamar a atenção em abril com o EP Black Smoke Rising.

Continuar lendo

Irmãos Cavalera de volta com novo álbum. Ouça uma das músicas

cc1
Cavalera Conspiracy: novo álbum e volta ao thrash

Daqui a três dias, em 17 de novembro, o Cavalera Conspiracy lança seu novo álbum, Psychosis. Pelo comichão da mídia especializada, espera-se coisa boa por aí. Duas canções, Insane e Spectral War, já estão circulando em alguns sites. A pegada nos faz lembrar o Sepultura em sua melhor fase. É um pouco do que o próprio Max afirma, em entrevista para o Metal Wani: “É o melhor álbum do Cavalera, meu favorito. Tem a mesma intensidade e energia de coisas antigas como Arise e Beneath the Remains, do Sepultura”.

+ Lacerated and Carbonized mostra RJ em convulsão

Nove músicas compõem o disco, cujas letras têm de tudo um pouco: falam sobre drones que comandam ataques em áreas de guerra, o estado de paranoia atual e a gestão desastrosa de Donald Trump nos Estados Unidos. Igor, que comanda o projeto ao lado do irmão Max, ambos fundadores do Sepultura, conta que extraiu de uma rica experiência em Uganda, na África, a pegada tribal em faixas como a instrumental Psychosis. Algo que ele já vem testando desde Roots, álbum do Sepultura que completou 20 anos.

Cavalera-Conspiracy-Psychosis
Psychosis: lançamento marcado para 17 de novembro

Em crítica para o Metal Sucks, Axl Rosenberg avaliou o novo trabalho com quatro de cinco estrelas possíveis. E cravou com uma provocação: “É o melhor álbum do Sepultura desde Chaos A.D”. Criado em 2007, em Phoenix (EUA), o Cavalera Conspiracy marca a reconciliação dos irmãos Max e Igor Cavalera, que tiveram alguns arranca-rabos nas épocas turbulentas da dissolução parcial do Sepultura. Lançado pela gravadora Napalm Records e produzido por Arthur Rizk, Psychosis é o quarto álbum da banda.

Confira abaixo a faixa de abertura, Insane:

Agenda: Anthrax a Accept no Free Pass Metal Festival

ANTHRAX.STORY_
Anthrax: gigantes do thrash metal

A melhor pedida desta semana para os headbangers que estão na capital paulista é, sem dúvida, o Free Pass Metal Festival, que reúne nesta quinta (dia 9) dois gigantes do metal na mesma noite: Anthrax e Accept. Ícone do thrash metal, ao lado de Metallica, Slayer e Megadeth, o Anthrax apresenta a turnê de seu álbum mais recente, o ótimo For All Kings, lançado em 2016. Eles fecham a noite no Tom Brasil. Antes, os alemães do Accept sobem ao palco apresentando a turnê The Rise of Chaos World Tour. Mais informações abaixo:

Line-up
20h30: King of Bones
21h20: Accept
23h: Anthrax

Data: quinta-feira (9 de Novembro de 2017)
Local: Tom Brasil 
Endereço: Rua Bragança Paulista, 1281,Chácara Santo Antônio, São Paulo (SP)
Classificação etária: 14 anos
Capacidade: 4000 pessoas
Ingressos: Ingresso Rápido